Morar no Reino Unido, mesmo que de forma temporária, é um desejo que muitos brasileiros possuem. O Reino Unido é formado por Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, o que possibilita experiências de vida muito diferentes e enriquecedoras. Portanto, seja em busca de novas oportunidades de trabalho, estudos, ou para conhecer uma nova cultura, residir no Reino Unido é uma possibilidade cada vez mais atrativa.

Neste artigo vamos analisar os principais tipos de visto para brasileiros que desejam residir no Reino Unido e como funciona o processo de aplicação para o visto. Tudo isso de forma legal, sem que ocorra qualquer risco de irregularidade ou de deportação.

Posso entrar no Reino Unido sem visto?

Antes de analisarmos as opções de visto para quem deseja residir no Reino Unido, é preciso esclarecer uma dúvida comum sobre os vistos.

Vistos de turista são para aqueles que desejam visitar o Reino Unido, por um período máximo de 6 meses. Já os vistos de residência são destinados para aqueles que pretendem morar no Reino Unido, por mais de 6 meses, mesmo que seja de forma temporária.

Os brasileiros são isentos de visto para turismo no Reino Unido. Ou seja, brasileiros não precisam de visto para entrar no Reino Unido como turistas, apesar de precisarem de outros documentos, como comprovante de passagem de volta e de recursos financeiros.

Porém, via de regra, se você entrar no Reino Unido e quiser permanecer por um período maior do que 6 meses, você não poderá fazer o pedido para o visto de residência de dentro do Reino Unido. Ou seja, você terá que retornar ao Brasil e solicitar o visto para residir.

Portanto,se você tem a intenção de residir no Reino Unido, recomendamos que você aplique para um visto enquanto estiver aqui no Brasil.

O ideal é que essa aplicação seja feita acompanhada de uma equipe de especialistas, para te dar todo o suporte necessário. Assim, com o visto em mãos você terá uma viagem e estadia no Reino Unido muito mais seguras.

Quais são os principais tipos de visto para quem deseja residir no Reino Unido?

Para que um brasileiro possa residir no Reino Unido é necessário que ele se enquadre em uma hipótese de visto. Existe uma série de tipos de vistos que a pessoa pode se enquadrar, como visto para estudos, trabalho, reunião familiar, dentre outros.

Desta forma, vamos analisar os vistos para residência no Reino Unido mais comuns.

Visto de estudos para o Reino Unido

O visto de estudos é o visto com maior procura por brasileiros. O Reino Unido é conhecido por possuir uma vasta gama de instituições de ensino classificadas como as melhores do mundo.

Se o seu curso tiver uma duração menor do que 6 meses, você não precisará de um visto. Porém, estudar em um curso sem possuir um visto tem restrições, como não poder realizar nenhum tipo de trabalho, sendo remunerado ou não.

Para cursos com duração maior do que 6 meses, a emissão de um visto de estudos é obrigatória. A duração do visto será de acordo com a duração prevista para o curso.

É necessário que o aplicante para o visto já tenha sido admitido no curso em que pretende estudar e possua um documento chamado CAS (Confirmation of Acceptance for Studies), emitido pela própria instituição de ensino.

Visto de trabalho no Reino Unido

O visto de trabalho é destinado para aqueles que já possuem uma oferta de trabalho de um empregador localizado no Reino Unido. Não são todas as profissões que estão elegíveis para este visto, apesar de a lista ser bastante ampla. É necessário fazer uma consulta para cada caso específico.

O contrato de trabalho deve estar de acordo com a legislação do Reino Unido, inclusive em relação ao valor do salário a ser pago e o número de horas trabalhadas. É necessário que o empregador emita um documento chamado COS (Certificate of Sponsorship) para que a aplicação do visto ocorra.

O visto de trabalho pode valer por um prazo de até 5 anos, podendo ser estendido quantas vezes for necessário, desde que o aplicante continue trabalhando para um empregador do Reino Unido. Após 5 anos também é possível solicitar uma autorização de residência permanente.

Visto de reunião familiar

O visto de reunião familiar é destinado para aqueles que possuem parentes no Reino Unido e pretendem viver com eles por um prazo maior do que 6 meses. Para este visto são considerados parentes:

  • cônjuge ou companheiro;
  • noivo ou noiva;
  • filhos;
  • pais;
  • parentes próximos que forneceram cuidados de longo prazo para o aplicante.

Será necessário realizar a comprovação dos vínculos entre o aplicante do visto e a pessoa que já reside no Reino Unido. Além disso, é importante que o aplicante do visto e o respectivo parente comprovem possuir em conjunto condições econômicas para se manterem no Reino Unido.

Outros tipos de visto para o Reino Unido

  • Visto de Residência para pesquisa acadêmica;
  • Visto de Residência para trabalhadores da área da saúde;
  • Visto de Residência para talentos globais;
  • Visto para casamento no Reino Unido;
  • Visto de residência para trabalhadores domésticos

Como funciona o processo de solicitação do visto para o Reino Unido?

Conforme informado anteriormente, é recomendado que o cidadão brasileiro que deseja morar no Reino Unido solicite o seu visto de residência ainda no Brasil.

A aplicação é processada pelo setor de Vistos e Imigração do Reino Unido e a VFS Global, empresa representante no Brasil.

A VFS Global é uma empresa que apenas recebe e checa os documentos, antes de encaminhá-los para a análise e decisão do setor de Vistos e Imigração. Portanto, a VFS Global não organiza, orienta, e nem assessora os pedidos de visto para o Reino Unido.

O Botinha & Cabral é um escritório de advocacia com atuação exclusiva na área internacional. Possuímos mais de 20 anos de experiência com processos migratórios. Caso tenha interesse em uma assessoria completa para vistos do Reino Unido, entre em contato conosco.

Consulta Express

Preencha os campos a seguir e nos envie suas dúvidas.

Será um prazer te auxiliar.